just

Resgatar a memória da Justiça Federal por meio de histórias contadas por protagonistas do Poder Judiciário. Esse é o objetivo do projeto Justiça Viva, de autoria do corregedor-geral da Justiça Federal, ministro Og Fernandes. O lançamento da iniciativa será no dia 30 de agosto, às 9h30, no auditório do Conselho da Justiça Federal (CJF), em Brasília.

A iniciativa, em parceria com o Superior Tribunal de Justiça (STJ), pretende homenagear e fortalecer a história da Justiça Federal brasileira. Serão nove programas de entrevistas exibidos pela TV Justiça, que também se transformaram em livretos.

Cada edição conta com uma personalidade relacionada à Justiça Federal – como ministros, desembargadores, corregedores, juízes federais e presidentes -, que será entrevistada por um jornalista, um historiador e um especialista em direito.

Protagonistas

Ayres Brito, Gilson Dipp, Eliana Calmon, Nilson Naves e Sepúlveda Pertence são alguns dos protagonistas entrevistados pelo projeto.

Com, no mínimo, mais de 30 anos dedicados à Justiça Federal, essas personalidades contam, por meio de relatos sob perspectiva pessoal e profissional, os caminhos percorridos, as mudanças e momentos marcantes, o convívio com grandes personagens que marcaram a história da Justiça no País. Eles relatam até curiosidades sobre o que há por trás da rotina e do trabalho desenvolvido por décadas no Poder Judiciário.

Combate à corrupção, avanços do Código Penal, Comissão da Verdade, criação dos tribunais superiores, politização do Judiciário e a fundação do STJ, antigo Tribunal Federal de Recursos, foram alguns dos temas abordados durante as entrevistas do projeto.

Fonte: STJ