Nos dias 16 e 17 de abril, será realizado o VII Congresso do IBDFAM-RJ, iniciativa da seção Rio de Janeiro do Instituto Brasileiro de Direito de Família – IBDFAM, que contará com a participação de grandes nomes do Direito da Família e das Sucessões. A programação será por meio da plataforma Zoom, com certificado de participação. Inscreva-se.

A palestra “Arbitragem nas convenções de família e disposições de última vontade” será ministrada pelo presidente da Comissão de Arbitragem do IBDFAM, Francisco José Cahali, durante o primeiro dia de programação, às 10h50.

Segundo Cahali, a arbitragem é um meio eficiente e contemporâneo de solução de conflitos, principalmente pela sua celeridade. “O Direito de Família e das Sucessões sempre foi dinâmico, aberto a novidades. Inclusive cada vez mais se busca soluções pragmáticas, para que as pessoas superem os transtornos naturais e os efeitos nocivos de um conflito familiar – decorrente da conjugalidade ou entre herdeiros”.

“É importante ressaltar que estamos falando exclusivamente do aspecto patrimonial, pois só direitos patrimoniais disponíveis podem ser levados à arbitragem. E bem sabemos dos efeitos perniciosos de uma partilha congestionada e extraordinariamente morosa, como muitas vezes acontece no Judiciário. Daí a pertinência, em alguns casos, do uso da arbitragem”, pontua. O especialista aponta que a ideia é fomentar o debate do tema e traçar contornos, limites, utilidades e formas de aplicação da arbitragem no Direito de Família e Sucessões.

Acesse o site do VII Congresso do IBDFAM-RJ e confira a programação completa. 

 

Fonte: Assessoria de Comunicação do IBDFAM